Google+ Followers

Google+ Followers

terça-feira, 20 de maio de 2014


55º Encontro no Convento do Carmo



Explicação no início da visita guiada ao museu.






Após a visita guiada cada elegeu um lugar para desenhar.





Como a manhã já ia adiantada escolhi um lugar à sombra.






Os temas eram muitos e variados e o mais difícil foi escolher.






O ambienta convida ao recolhimento e á calma, e os desenhos começam a fluir.






As naves da antiga igreja, embora em ruínas, continuam majestosas.






Cada recanto merece toda a nossa atenção.







E os registos começam a encher os cadernos.






Visto assim até parece que não custa nada.






Esta pequena bilha chamou a minha atenção, pois ainda há poucos anos a via fabricar nas olarias do Alentejo.






Este fantástico conjunto de esculturas em madeira, do João castro Silva, dominava as atenções na nave central.






E claro, eu tentei registá-las também.






E o resultado foi este...






Muitos e bons trabalhos saíram deste encontro.






E no final a partilha habitual de todos os trabalhos.






Fiquei com vontade de lá voltar.




Sem comentários:

Enviar um comentário